A Luz dos Aboim

05/09/2011

AA

Filed under: Geral — Carlos @ 18:57

Como não consigo acreditar que a contratação de Carrol pelo Liverpool, no ano passado, tenha sido feita por gente ingénua, só posso dizer que o comprador foi negligente ao adquirir os direitos desportivos do jogador pela soma exorbitante de 40 milhões de GBP. Fora a despesa com os ordenados do jogador.

Vem isto a propósito das palavras proferidas, recentemente, pelo selecionador inglês, Fábio Capelo, que chega ao ponto de aconselhar o jogador a “beber menos”.

Para se referir ao assunto publicamente e nestes termos, trata-se, sem dúvida, de um caso de extrema gravidade.

In A Bola, 05-09-2011

Claro que a irresponsabilidade maior nesta história cabe ao próprio Carrol que está a desperdiçar uma carreira como jogador que se previa que fosse excelente. Este tipo de comportamentos sociais é incompatível com fazer carreira desportiva na alta competição e ele já o devia saber.

Resta agora ver se os responsáveis do Liverpool conseguem recuperar desta situação, primeiro, o homem e, depois, o atleta, e se Carrol aceita ser reabilitado.

Por mim, acho que iria a tempo!

Anúncios

3 comentários »

  1. Realmente…

    Não sei se o caso será tão grave como parece. Os britânicos têm o hábito de ir para o pub, “conviver”…bebendo. Talvez as palavras do Capello sejam mais no sentido de o Carroll evitar as regulares “idas ao pub” e as doses de cerveja correspondentes… É um atleta de alta competição, custou muitíssimo dinheiro ao nosso querido Liverpool e não se pode comportar desta forma pouco profissional!

    Há uma conduta a seguir, quando se é desportista profissional. Não podem abusar. Penso que, em Inglaterra, há alguns casos destes com jogadores profissionais – talvez por essa “cultura do pub”… Estou-me a lembrar de ouvir falar do caso do Rooney, do Ledley King (Tottenham) e outros – todos com fama de noitadas e bebedeiras. Também me lembro do Piqué, quando assinou pelo Barcelona, dar uma entrevista em que dizia que os jogadores britânicos que tinha conhecido não tinham uma conduta de verdadeiro profissional de desporto…

    (Ao menos, aos nossos, por cá, só ouvimos falar de “noitadas”. “Bebedeiras” nem tanto!)

    O Carroll vai mais que a tempo de corrigir o seu comportamento. Para o bem dele e para o bem do nosso Liverpool, que o faça rapidamente.

    Comentar por BLA — 05/09/2011 @ 19:17

    • Não me parece que seja uma situação normal!

      O seleccionador inglês não se referiu a mais nenhum jogador com este tipo de comportamento.

      Deve ser, portanto, um caso que ultrapassa o razoável. Aliás, vê-se que no Liverpool o jogador também nunca conseguiu ser opção para o onze inicial.

      Tem sido frequente vermos notícias sobre festejos exagerados de outros jogadores ingleses em pubs, às vezes até com desacatos, mas nunca, como agora, se associaram tais factos com falta de rendimento desportivo.

      Oxalá me engane, para bem do nosso Liverpool!

      Comentar por Carlos Aboim — 05/09/2011 @ 20:13

  2. Parece-me que a situação dele deve ser ainda mais grave que a da generalidade dos outros de quem se diz que passam a vida a fazer noitadas.

    Ele até pode ter jeito, mas se não perceber rapidamente que tem de trabalhar para sair da mediania nunca vai passar disto. Claro que às tantas ele já tem exactamente o que é importante para ele: dinheiro e fama, Se assim é, tem o que merece.

    Pobres daqueles que investiram uma fortuna nele…

    Comentar por kravi — 06/09/2011 @ 03:21


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: