A Luz dos Aboim

13/02/2012

Chamam-lhes os mais ricos (parte II)

Filed under: SLB — Etiquetas:, , — Carlos @ 22:05

Ainda a propósito do estudo anual “Deloitte Football Money League“ que abordei aqui, gostaria de voltar à questão das verbas dos direitos televisivos que cada clube recebe para reforçar a ideia de que a posição alcançada pelo nosso Clube é tanto mais relevante quanto o facto de ter receitas televisivas muito baixas.

Quando escrevi o primeiro artigo sobre este tema, não tinha ainda a noção exacta de que a generalidade dos clubes classificados no referido estudo acima do Benfica recebem anualmente verbas de direitos televisivos que representam mais de 1/3 da totalidade das respectivas receitas, como se pode verificar pelo quadro abaixo:

CLUBES COM MAIS RECEITAS NA EUROPA

CLUBE

TOTAL RECEITAS

RECEITAS TV

% TV

Real Madrid

479,5 M€

183,5 M€

38%

Barcelona

450,7 M€

183,7 M€

41%

Manchester United

367,0 M€

132,2 M€

36%

Bayern

321,4 M€

71,8 M€

22%

Arsenal

251,1 M€

96,7 M€

39%

Chelsea

249,8 M€

112,3 M€

45%

AC Mllan

235,1 M€

107,7 M€

46%

Inter Milão

211,4 M€

124,4 M€

58%

Liverpool

203,3 M€

72,3 M€

36%

Schalke

202,4 M€

74,3 M€

37%

Tottenham

181,0 M€

92,0 M€

51%

Man. City

169,6 M€

76,1 M€

45%

Juventus

153,9 M€

88,7 M€

57%

Marselha

150,4 M€

78,2 M€

52%

Roma

143,5 M€

91,1 M€

38%

B. Dortmund

138,5 M€

32,1 M€

23%

Lyon

132,8 M€

69,6 M€

52%

Hamburgo

128,8 M€

26,7 M€

21%

Valência

116,8 MC

66,4 M€

57%

Nápoles

114,9 M€

58,0 M€

51%

Benfica

102,3 M€

8,0 M€

8,2%

Como se constata, ficámos a cerca de 12 milhões de euros de entrar no grupo dos 20 primeiros e continuaremos aquém se as condições actuais não se vierem a alterar, pois a diferença entre as nossas receitas de direitos televisivos relativamente aos nossos concor­rentes é muito grande. Enquanto o Benfica (21.º) recebe actualmente 8 milhões de euros por ano, o Nápoles (20.º) recebe 58,0 milhões e o Valência (19.º) recebe 66,4 milhões.

Não restam dúvidas de que a posição do nosso Clube se deve às receitas significativas provenientes da venda de bilhetes para os jogos e da actividade na área comercial.

Quando se está a concluir a negociação do novo contrato de cedência dos nossos direitos televisivos para os próximos anos, espero que este venha trazer justiça à nossa dimensão e potencialidades e que preveja a retribuição justa das nossas capacidades. Devemos ter novidades a este respeito até ao final do corrente mês.

Em termos sentimentais, gostaria que a exploração dos direitos ficasse em casa e a eleita fosse a Benfica TV mas qualquer solução externa será boa se cumprir as condições estipuladas pelo Clube para melhor defender os nossos interesses.

Já não falta muito para ficarmos a saber!

Anúncios

3 comentários »

  1. Este estudo é interessantíssimo!
    E demonstra a real necessidade que temos de renegociar as receitas televisivas que consigamos obter. Tem mesmo que ser!

    A título de curiosidade, fiz algumas continhas de onde saíram as seguintes conclusões:
    – sem as receitas de tv, o Benfica tem de receitas 94,3 M€;
    – reordenando o ranking somente para as receitas não televisivas (e só para os 21 primeiros clubes aqui visíveis), o Benfica aparece já num 12º lugar – o que atesta bem do impacto que algumas receitas televisivas têm no orçamento dos respectivos clubes;
    – a incidência média das receitas não televisivas no bolo de receitas total de cada clube é de 58%, sendo que nalguns clubes é maior, noutros menor;
    – as receitas não televisivas do Benfica (94,3 M€) constituem 92% das suas receitas totais;
    – se os 94,3 M€ de receitas não televisivas do Benfica consituíssem os 58% da média, seria sinal que geraríamos receitas totais de 162,6 M€ – o que nos colocaria na 13ª posição do ranking aqui visível.

    Acho bastante óbvia a necessidade de renegociarmos as receitas passíveis de obter com os direitos televisivos…

    Viva o Glorioso!

    Comentar por BLA — 14/02/2012 @ 19:44

    • Excelente análise e conclusão! Temo, no entanto, que não consigamos garantir o valor médio de receitas televisivas dos nossos concorrentes neste estudo! Será a verba que for possível obter! Viva o Glorioso!

      Comentar por C — 14/02/2012 @ 20:36

    • Pois, era bom que pudéssemos ter valores parecidos com os que se practicam lá fora mas acho muito complicado.
      Tanto os posts como esta análise aos números deixam-nos a pensar no que somos e no que ainda poderíamos ser…

      Confio que quem está à frente das negociações conseguirá o melhor possível para o clube, mas espero sinceramente que o melhor possível seja significativo e ao nível da nossa grandeza!

      Comentar por kravi — 16/02/2012 @ 00:20


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: